Translate

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

ATIVIDADE DE CAMPO NO PARQUE NACIONAL DA TIJUCA

       No dia 15 de novembro os professores Carlos Alfredo, coordenador do curso de Ciências Biológicas e a profa. de botânica Thereza Cristina Lopes acompanharam os estudantes do segundo, terceiro e quarto ano do curso ao Parque Nacional da Tijuca no Rio de janeiro para atividade de observação da vegetação do parque. Após a visita a parte baixa, onde  observaram as mudanças que acontecem a medida que a atitude vai aumentando ate o máximo de 1021 metros no pico da tijuca.   





















   




Ciências Biológicas do UNIFESO entre os melhores cursos do país na avaliação do ENADE





O curso de licenciatura em Ciências Biológicas do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) recebeu nota 4 (em uma escala que vai até 5) na avaliação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), realizada em 2017. O exame faz parte do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior do Ministério de Educação (Sinaes/MEC), junto à Avaliação Institucional e Avaliação dos Cursos de Graduação. Os resultados desses instrumentos avaliativos, reunidos, atestam o modo de funcionamento e a qualidade dos cursos e das Instituições de Educação Superior de todo o Brasil perante os instrumentos governamentais.

O professor Carlos Alfredo Franco Cardoso, coordenador do curso, atribui a boa nota a uma soma de fatores, que envolvem desde a dedicação dos estudantes e a qualificação do corpo docente, com a excelente infraestrutura que a Instituição oferece. O professor também aponta a grande contribuição do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid), que oferece bolsas de iniciação à docência aos alunos de cursos presenciais e, dessa forma, “viabilizou a atuação dos nossos estudantes, desde o primeiro ano, em escolas públicas, desenvolvendo e praticando atividades inerentes às funções que vão exercer na profissão”, aponta o professor Carlos Alfredo. 

O exame é uma forma de avaliar o curso e a instituição por meio de uma prova feita pelos alunos para verificar o desenvolvimento de competências específicas e o nível de atualização dos estudantes em relação às realidades brasileira e mundial. O coordenador se mostrou orgulhoso e confiante nos profissionais que estão se formando pelo UNIFESO. “O grupo que conquistou este conceito 4 no ENADE é formado por estudantes maduros, que desde o início tiveram um empenho diferenciado e sabem que o diploma é valorizado no mercado de trabalho quando o profissional se mostra determinado”, observou Alfredo, lembrando que o exame é um componente curricular obrigatório dos cursos de graduação e seu registo é indispensável para a emissão do histórico escolar.

fonte: gerencia de comunicação do UNIFESO
Link da matéria no site: http://bit.ly/curso-unifeso-enade  

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Estudantes de Ciências Biológicas participam do Forum Internacional de Laserterapia em São Paulo







                   As Estudantes Thais Castelo Branco Magliano e Mariana Costa Silva, participaram do evento Internacional de Laserterapia que aconteceu nos dias 8 e 9 de novembro na Universidade Nove de Julho, Campus Vergueiro, no bairro da Liberdade em São Paulo. Foram acompanhadas pelo prof. Adenilson de Souza Fonseca, responsável pelo laboratório de fotobiologia do UNIFESO e orientador das estudantes. 
                   Na programação as estudantes apresentaram trabalhos em formato de banner, a egressa do Curso de Ciências Biológicas Keila Canuto, doutoranda pela UERJ, realizou uma apresentação oral e o Prof. Adenilson uma palestra sobre "Fotomodulação na estabilidade genômica''.
           A estudante Thais apresentou o trabalho sobre a "Avaliação de ação fotodinâmica de extrato vegetal em culturas de Escherichia coli". Segundo a estudante o trabalho que tem como objetivo avaliar a capacidade fotodinâmica de um extrato vegetal de Hovenia dulcis Thunberg, popularmente é conhecida como uva do Japão, Cajueiro Japonês. Estudos com extratos vegetais tem sido propostos para testar sua possível aplicação como fotossensibilizadores na Terapia Fotodinâmica Antimicrobiana. Essa terapia é um ramo da fototerapia que tem como objetivo promover morte celular pela produção de espécies reativas de oxigênio (radicais livres).  Possui grandes vantagens como: Não há efeitos adversos descritos na literatura, não há contra indicações, possui fácil aplicação além de baixo custo. E quando utilizado em bactérias, não gera pressão seletiva, o que não gera resistência dos microrganismos, como ocorre com os principais antimicrobianos convencionais.
         A estudante Mariana Costa apresentou o trabalho sobre "A avaliação da sobrevivência de culturas de Escherichia coli expostas ao LED azul de baixa potência". Utilizando cepas de E.coli proficientes (AB1157) e deficientes mecanismos de reparo do DNA (JW1625 e JW0704). Depois de diversos experimentos feitos, nossos resultados sugerem uma redução da sobrevivência das cepas deficientes após a exposição ao LED azul. Este estudo está sendo realizado em conjunto com outro estudante de biologia o Lucas Resende.


ESTUDANTES DO UNIFESO VISITAM O APIÁRIO AMIGOS DA TERRA EM NOVA FRIBURGO



             No sábado dia 10 de novembro estudantes de Medicina Veterinária e Ciências Biológicas acompanhadas das professoras Denise de Mello Bobány (Regente da disciplina eletiva de apicultura do curso de medicina Veterinária) e Liane Franco Pitombo visitaram o Apiário Amigos da Terra em Nova Friburgo para colocarem em prática o aprendizado desenvolvidos nas aulas do semestre. 
  








segunda-feira, 29 de outubro de 2018

VI FÓRUM DO CONHECIMENTO - Centro Interescolar de Agropecuária José Francisco Lippi

             Na sexta-feira dia 26 de outubro o Coordenador e Prof. Carlos Alfredo e o estudante Vinicius Figueiredo Motta apresentaram quatro palestras sobre Vida de Biólogo, para estudantes do ensino médio. Durante as  palestras foram apresentadas a atuação do biólogo no mercado de trabalho. 
               

domingo, 28 de outubro de 2018

CAIXA DA CIÊNCIA: Escola Momento Mágico


         O curso de Ciências Biológicas a convite da escola Momento Mágico fez uma apresentação para os alunos das séries iniciais sobre animais vertebrados e Invertebrados, utilizando para as vertebradas ossadas de animais. Na oportunidade o Coordenador prof. Carlos Alfredo e o estudante de Licenciatura Vinícius Motta apresentaram o mais novo projeto a caixa da ciência, onde  propõe despertar nas crianças o interesse pela ciência.




III BIOJORNADA - DIA 26: Populações: sinais do silêncio




             No dia 26 de outubro o prof. Leandro Macedo da Silva Reis, pesquisador do Laboratório de Ecologia e Conservação de Populações da UFRJ, apresentou a palestra: Populações: sinais do silêncio. Na oportunidade o prof. Leandro apresentou uma análise sobre o desaparecimento de espécies das florestas (defaunação) e o trabalho do seu laboratório para reintroduzir espécies em áreas da mata atlântica. 



III BIOJORNADA - DIA 22 DE OUTUBRO


22 DE OUTUBRO

O prof. Fernando Fernandez realizou a palestra "O privilégio de Darwin e a lógica da vida".  Sobre evolução, seleção natural, esclarecendo alguns mal-entendidos e preconceitos muito comuns sobre esse processo, e destacando sua importância como o princípio cujo entendimento nos abre as portas para o maior espetáculo da Terra: entender como e porque cada coisa do Mundo natural à nossa volta é da forma como é. Os presentes ao evento tiveram a oportunidade de conhecer sobre os estudos desenvolvidos por Darwin.












III CONFESO - PALESTRAS DO CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS



          No primeiro dia do CONFESO (23 de outubro), além das rodas de conversas aconteceu no Campus Quinta a apresentação do Projeto desenvolvido pelo Médico Veterinário Robson Eduardo Vivas dos Santos sobre a viagem realizada do Rio de janeiro a Patagônia, numa motocicleta. Na viagem  ele teve a oportunidade de visitar projetos de conservação de tartarugas, baleia Franca,  Lobos Marinhos e Pinguins.  
            Após a apresentação da viagem do rio de janeiro a patagônia as irmãs Isabela Fagundes e Gabrielle Fagundes explicaram como se elaborar filmes didáticos sobre o meio ambiente.






          
            No dia 24 de outubro tivemos mais uma palestra do físico Pedro Mineiro Cordoeira que palestrou sobre Astronomia como ferramenta de ensino. Na palestra apresentou o trabalho que desenvolve nesta área e o momento mais aguardado da noite não pode acontecer, pois no dia o tempo estava chuvoso o que impediu que acontecesse a visualização das estrelas. 



















Postagens mais visitadas